sexta-feira, 16 de janeiro de 2009

LEMBRANÇAS



Revejo teu rosto nos vários retratos
Cada um capta algo,
Nenhum a totalidade
Do que ele foi,
Do que é ainda,
A cada instante
Outra renovada

Eu sei que ele tocou
No escuro o proíbido
E conheceu a paixão
Com todas as suas quedas

Quem esteve a seu lado
Sabe o que é fulguração
De abismo e piscar
De estrelas nas trevas.

2 comentários:

tossan disse...

Que perigo! Bonito! Bj (e o boné? rs.. Bj

neide disse...

Ainda não tirei a foto sem ele, mas não esqueci... E a máscara? também não tirou ainda, tô esperando, viu? kkk

Bjss amigo.